HISTORIA DA TIA ESTER

Um pobre mendigo e meio doido foi mordido por um cachorro bravo que gostava de pensar que as pernas dos passantes eram um pedaço de carne.

Mordeu o coitado do mendigo e foi-se. O pobre homem com grande raiva resolveu se vingar matando o bicho que lhe mordeu a estimada perna.

Armou-se com uma pedra que colocou na cabeça. Vivia a procurar o criminoso, que era para ele seu pior inimigo.

De tanto procurar, meses depois, deparou com um cão dormindo na beira de uma calçada. Pegou a pedra com as duas mãos e exclamou, jogando a pedra sobre o animal:

– Quem  tem inimigo não dorme!

Vá lá saber se era o mesmo cão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s