OS CARANGUEJOS

Um homem contratou um pedreiro para fazer um serviço na sua casa. No contrato constava que o dono da casa também daria o almoço e aí ficaria mais barato, é claro. O econômico não é besta. Ele pensava, “besta é côco que dá leite sem ter peito e ainda dá o olho pra chupar”.

O pedreiro aceitou. Na hora do almoço, já antegozando que iria ter uma boa refeição, o simplório foi almoçar.

O que havia na mesa eram caranguejos e pirão feito com o caldo do cozimento dos ditos cujos.

O que fez o pedreiro?

Comeu o pirão e com um barbante amarrou os caranguejos um a um e colocou na cintura.

Quando o dono viu aquela trouxa pendurada com o homem na escada, perguntou:

– O que é isso aí pendurado na sua calça?

O pedreiro respondeu:

– Isso são caranguejos. Comer essas pestes e amarrar por fora é a mesma coisa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s